Bancada do PSOL convida vereadores para compor frente parlamentar pela UERJ

Na primeira semana de atividade parlamentar, a bancada do PSOL Carioca convida vereadores a compor a Frente Parlamentar pela Universidade Pública, da qual já fazem parte outros deputados do partido. A Frente tem como objetivo defender, debater e propor medidas que solucionem a crise nas universidades públicas do estado.

Via mandato do Vereador Renato Cinco (PSOL Carioca)

Criada em 1950 como Universidade do Distrito Federal, a UERJ mudou de nome outras duas vezes até ganhar a denominação definitiva.

Nestes quase 70 anos de história, a Universidade Estadual do Rio de Janeiro cresceu, ganhou força e formou milhares de pessoas, nos mais diferentes cursos. Apesar de ser uma das mais importantes universidades brasileiras, a UERJ está no CTI. Sucessivos governos têm sucateado a instituição. O tesouro estadual investiu, nos últimos cinco anos, apenas 0,02% de seu orçamento, ou seja, cerca de R$ 3 milhões, na UERJ.

Sem serviço de limpeza, com restaurantes universitários fechados e salários e bolsas de estudos atrasados, a universidade está sem condições de funcionamento. O reinício das aulas foi adiado.

Diante de tal situação dramática, foi formada a Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública. O PSOL está integrando a Frente, com seus vereadores, deputados estaduais e federais.

Na Câmara do Rio, até a tarde de quarta-feira (15), apenas 11 vereadores haviam aderido.

A Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento, responsável pela administração da UERJ, divulgou que estuda renegociar contratos para restabelecer os serviços essenciais. Entretanto, apenas a mobilização popular pode salvar a instituição.

PSOL Carioca

Site oficial do Diretório Municipal do Partido Socialismo e Liberdade da Cidade do Rio de Janeiro #50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *