Dias Contados

Das luzes pretas anunciadas pela OAB do Rio ao último manifestante que saiu de casa em Salvador para ir às ruas, o Brasil foi, nesta quinta-feira, dia 18, um imenso #ForaTemer. Não se trata só de um governo ilegítimo que tem como único objetivo atacar os direitos dos trabalhadores, mas também de uma cúpula política inteiramente mergulhada na promiscuidade entre o interesse das grandes empresas e o Estado.

Eram quase 18h e a Candelária não se cabia mais em gente. Cerca de 50 mil pessoas tomaram a Rio Branco em direção à Cinelândia exigindo a derrubada de Temer e a escolha direta para a presidência do país. Se a quantidade de pessoas nas ruas era surpresa para um ato convocado com menos de 24 horas de antecedência, em nada surpreendeu a convicção dos manifestantes de que não há mais (ou nunca tenha havido) espaço para o governo Temer e suas reformas.

Eram quase 21h e a Cinelândia não se cabia mais em bombas. Como sempre, a Polícia agrediu e encurralou manifestantes, mostrando que os governos do PMDB são especialistas em atacar as pessoas, seja com reformas ou gás lacrimogênio. A repressão – que em termos gerais é nacional, mas que no Rio de Janeiro nunca parece descansar – obrigou o encerramento do ato, mas deixou no ar já contaminado de gás os gritos de que o governo Temer tem os dias contados.

No próximo dia 24 de maio, em Brasília, acontece uma marcha que promete reunir milhares de pessoas contra as reformas e pedindo a queda do (des) governo Temer. Acesse o evento no Facebook e compartilhe em suas redes: Ocupa Brasília – 24 de Maio

Por Manuela Trindade (Mandato Coletivo Tarcísio Motta)

Fotos (na ordem): Belém, Brasília, Juiz de Fora, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Salvador.
Crédito: Mídia Ninja

Belém
Belém

BSB
Brasília

Juiz de Fora
Juiz de Fora

porto alegre
Porto Alegre

rio
Rio de Janeiro

Salvador
Salvador

PSOL Carioca

Site oficial do Diretório Municipal do Partido Socialismo e Liberdade da Cidade do Rio de Janeiro #50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *