Uma vitória contra o autoritarismo e a precarização da saúde!

As bancadas do PSOL na Câmara e na Alerj conseguiram liminar que suspende o plano de reorganização da Saúde no Rio que, sem qualquer discussão, pretendia fechar quase 300 equipes de atendimento básico e demitir cerca de 1400 trabalhadores da área.

Agora, Crivella e seu fiel escudeiro Messina terão que apresentar detalhadamente à justiça o porquê desse desmanche, ainda mais em um momento tão delicado para a Saúde na cidade.

Nosso partido e parlamentares estão e sempre estarão na luta pela valorização do SUS e pelo fim da mercantilização do atendimento de Saúde. Por isso, no próximo dia 1º de dezembro, o PSOL Carioca, o Setorial de Saúde do partido e núcleos participam de ação promovida pelo movimento Nenhum serviço de saúde a menos. Serão várias mobilizações por toda a cidade contra o desmonte que Crivella quer fazer na Saúde do Rio.

A Saúde Pública é essencial para a vida de todas e todos. Participe, se informe, mobilize-se!

Só a Luta Muda a Vida!

Baixe a liminar concedida pelo juiz Marcello Alvarenga Leite da 9ª Vara de Fazenda Pública

PSOL Carioca

Site oficial do Diretório Municipal do Partido Socialismo e Liberdade da Cidade do Rio de Janeiro #50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *