Guardiões de Crivella salvam o prefeito novamente

Nessa quinta, 17 de setembro, o prefeito Marcelo Crivella (Republicanos) foi salvo de de mais uma abertura de processo de impeachment na Câmara. Se na rua tem capangas que afugentam a população e escondem as mazelas de sua administração, na Câmara, 24 dos 25 guardiões voltaram a atuar.

O terceiro pedido de impeachment feito pelo PSOL Carioca tinha como objetivo apurar e entender o envolvimento do prefeito com o empresário Rafael Alves. Segundo o MP, o irmão de Marcelo Alves, presidente da Riotur, teria esquemas em mais de 20 órgãos da prefeitura e pressionava o prefeito a “usar a caneta” para favorecer seus interesses.

CONFIRA O PEDIDO NA ÍNTEGRA

Enquanto teve a palavra, a bancada do PSOL composta pelos vereadores Babá, Dr. Marcos Paulo, Leonel Brizola, Paulo Pinheiro, Renato Cinco e Tarcísio Motta, apontou inúmeros motivos para a autorização da abertura de investigações como uso do dinheiro público para bem privado, corrupção passiva, peculato, fraudes licitatórias, lavagem de dinheiro e crimes de responsabilidade.

Mas isso não é novidade pra nossa bancada. As denúncias sobre a má gestão e as maracutaias de Crivella sempre estiveram presente no trabalho de fiscalização dos vereadores do PSOL desde 2017. Se analisarmos o tal QG de Crivella, veremos pontos debatidos em várias das CPIs e lutas que a bancada fez no parlamento.

Entretanto, em manobra comandada pelo líder de Crivella, Dr. Jairinho (Solidariedade), o plenário suspendeu o debate e a votação teve seu início. Assim, já em sessão extraordinária na Câmara Municipal do Rio, 24 vereadores optaram por não investigar as graves denúncias sobre os casos do QG da Propina e Crivella. Mais uma vez, o toma-lá, dá-cá de cargos falou mais alto na decisão e a cidade do Rio perdeu a oportunidade de apurar por que teve dinheiro para Rafael Alves, mas não teve para pagar o RENDA BÁSICA CARIOCA.

Confira os nomes e partidos dos verdadeiros Guardiões do Crivella:

Alexandre Isquierdo (DEM)
Carlos Bolsonaro (Republicanos)
Dr. Carlos Eduardo (Podemos)
Dr. Gilberto (PTC)
Dr. Jairinho (Solidariedade – líder de crivella)
Dr. João Ricardo (PSC)
Dr. Jorge Manaia (Progressistas)
Eliseu Kessler (PSD)
Fátima da Solidariedade (Solidariedade)
Felipe Michel (Progressistas)
Inaldo Silva (Republicanos)
Jair da Mendes Gomes (Pros)
João Mendes de Jesus (Republicanos)
Major Elitusalem (PSC)
Leandro Lyra (Republicanos)
Marcelino D´Almeida (Progressistas)
Marcelo Siciliano (Progressistas)
Professor Adalmir (Progressistas)
Renato Moura (Patriota)
Rocal (PSD)
Tânia Bastos (Republicanos)
Vera Lins (Progressistas)
Zico (Republicanos)
Zico Bacana (Podemos)