RENATO CINCO

Foto Renato Cinco é vereador do Rio de Janeiro pelo PSOL. Ele foi reeleito em 2016 com 17 mil 162 votos. Participa da Comissão de Meio Ambiente da Câmara do Rio.

Entre em contato com o mandato pelas redes sociais:

Facebook

Site

Renato “Cinco” Athayde Silva (Rio de Janeiro, 25 de maio de 1974), é sociólogo e conhecido ativista pela legalização das drogas e pela denúncia da “guerra aos pobres”. Militante ecossocialista e libertário, participou dos principais movimentos populares dos últimos 28 anos, como a luta pelo passe livre para estudantes, o “Fora Collor”, as campanhas contra a privatização da VALE e contra a ALCA e as mobilizações por educação e saúde públicas. Foi importante ativista no Colégio Pedro II e depois na UFRJ, onde se formou em Ciências Sociais. Cinco participa da organização da Marcha da Maconha desde 2005 e milita no Movimento pela Legalização da Maconha. Em 21 de abril de 2008, foi preso junto com outros militantes antiproibicionistas quando distribuíam panfletos sobre a Marcha, acusado de “apologia de fato criminoso”. Entretanto, a justiça determinou o arquivamento do processo, por entender que a crítica dirigida à legislação penal e a defesa da sua modificação estavam amparadas pelo direito de liberdade de expressão. Em 2009, Renato Cinco foi um dos subscritores da Representação dirigida à Procuradoria-Geral da República que deu origem à ADPF 187. Nesta ação, por decisão unânime , o STF reconheceu a legalidade das manifestações públicas em defesa da legalização das drogas. Cinco também é conhecido pela sua militância pelos direitos humanos, participando da construção de fóruns e de debates sobre o tema. Na luta pelo direito à cidade, Cinco contribuiu para a construção do Comitê Popular da Copa e Olimpíadas do Rio de Janeiro. No PSOL desde sua fundação, participa do Núcleo Anticapitalista 1º de Maio.

Eleições

Em 2006, Renato Cinco se candidatou a deputado estadual pelo Estado do Rio de Janeiro. Pautando sua campanha na legalização das drogas, obteve pouco menos de 3 mil votos. Em 2010, se candidatou a deputado federal, conseguindo a primeira suplência da bancada do PSOL na Câmara dos Deputados, com 9.333 votos. Em 2012, Renato Cinco se candidatou a vereador da cidade do Rio de Janeiro. Pautando sua campanha nos direitos humanos, na educação, nos direitos dos LGBT e na luta contra o recolhimento compulsório de supostos usuários de drogas, Cinco foi eleito vereador pelo PSOL no Rio de Janeiro, com 12.498 votos. Em 2014, foi candidato a deputado federal, alcançando 27.965 votos e obtendo a primeira suplência. Em 2016, foi reeleito vereador, com 17.162 votos.